LOGO-LDA-PNG.png

CAMPEONATO DE AUTOMOBILISMO LDA 2018

 

REGULAMENTO GERAL E TÉCNICO

PILOTO  POR UM DIA

 

GERAL

 DEFINIÇÃO

Participam desta categoria veículos nacionais e importados, de turismo de grande produção em série, coupê, sedan ou pick-up, de 2, 3, 4 ou 5 portas, de tração dianteira,traseira e 4x4 equipados com motores  aspirados e/ou turbinados.

Permitido o uso de veículos de no mínimo 02 (dois) lugares.

 

 Critério para participação;

a) O piloto deverá ter no mínimo 18 anos, ser habilitado e estar com a CNH na validade.

b) É  de total responsabilidade do piloto, todas as informações do veículo e sua origem.

c)  O piloto poderá efetuar a sua inscrição antecipadamente, conforme as datas divulgadas no site da LDA. As vagas de Box serão distribuídas conforme a disponibilidade.

d) O piloto que optar por se inscrever no dia do evento ficará com a vaga na área de Box que estiver disponível se ainda existirem vagas.

Observação: O piloto somente terá a inscrição e a vaga na área de Box assegurada se o pagamento for efetuado na data descrita na ficha de reserva. Caso não seja efetuado o pagamento na data o piloto perderá o direito da vaga e da inscrição.

e) Terá preferência pela vaga  o piloto que já tiver participado de outra(s) etapas.

 f) Todo o piloto que inscrever seu  veículo , acata as determinações da LDA.

g) Em caso de desclassificação do piloto na prova, por desrespeito aos itens descritos neste  Regulamento ,  implicará na perda da taxa de inscrição e da etapa.

h) É de responsabilidade do piloto inscrito, todas as ocorrências relativas ao seu respectivo veículo e eventuais danos causados as instalações do Autódromo.

i) A condução do veículo na pista por piloto não inscrito, implicará na exclusão do piloto inscrito. O piloto inscrito será penalizado  conforme determinação dos Comissários Desportivos.

j) No caso dos Oficiais de prova julgarem  necessário, qualquer piloto inscrito poderá ser convocado a qualquer momento, para fazer o exame com o aparelho de ar alveolar pulmonar (Bafômetro).

k) Toda vez que for convocado ou sorteado, o piloto deverá se submeter ao exame com o aparelho de ar alveolar pulmonar (Bafômetro), mesmo que já tenha feito na mesma etapa. O piloto que se recusar em fazer o exame com o aparelho de ar alveolar pulmonar (Bafômetro) será automaticamente excluído da Etapa.

l) Todos os pilotos, que participarem de no mínimo sete (07) etapas e tiverem  cumprido o regulamento  sem terem  sido advertido ou penalizado, (1ª fase ), receberão a carteira de  piloto emitida pela  LDA.

m) Nas etapas,  haverão pilotos graduados que acompanharão os pilotos que quiserem orientação de pilotagem . O piloto graduado  irá no passageiro, passando as técnicas de pilotagem para os interessados como cortesia.

 

 Credenciamento

O piloto que estiver inscrito na prova terá direito a sua credencial e mais duas (02) credenciais para mecânicos/equipe.

 Essas credenciais serão numeradas e identificadas em cada inscrição, ficando o piloto inscrito sendo o único responsável pelas pessoas que as utilizarão, ficando sujeito a pena conforme a gravidade da infração prevista ou não neste Regulamento.

As credenciais somente serão liberadas após a assinatura do piloto estando ciente da sua responsabilidade para com elas.

 

Identificação de Veículos

Todos os veículos serão identificados.

Para serem vistoriados os veículos deverão estar identificados com o respectivo número registrado no ato de inscrição, que será definido na 1ª etapa do Campeonato, por ordem de inscrição.

Todos os pilotos deverão disponibilizar nos veículos que estiverem  inscrito, dois espaços de até 20x40cm nas laterais, e outro de 20x40 no capô dianteiro, para aplicação de logomarcas dos patrocinadores oficiais do evento ou que a organização ache necessário. Se o modelo do veículo não contemplar esses espaços, os comissários desportivos definirão, de comum acordo com piloto e ou equipe, espaços alternativos. Caso o concorrente consiga provar através de contrato formal, que é patrocinado por empresa conflitante com aquela que estiver patrocinando o evento, ele poderá ser dispensado da obrigatoriedade da fixação do adesivo do patrocinado.  

 

Vistoria  técnica de Segurança.

Todos os veículos inscritos deverão passar por uma vistoria técnica de segurança antes de iniciar as atividades desportivas da prova. Esta vistoria será realizada em local próprio dentro de cada praça desportiva, e os horários para a realização constarão do Regulamento Particular de Prova.

Os veículos inscritos poderão ser vistoriados a qualquer momento, antes, durante e depois da prova.

A recusa do piloto em submeter seu veículo à vistoria, quando convocado, ou sua ausência injustificada implicará no impedimento do veículo adentrar na pista.

 

Obrigações e Responsabilidades

Todo piloto, na condução de seu veículo, nos boxes ou pista, sempre deverá estar trajando sua indumentária completa, homologada, compreendendo as luvas, sapatilha, “roupa de baixo”, balaclava  anti-chamas,  capacete e macacão. Estes dois últimos com identificação do nome, tipo sanguíneo e fator RH do piloto.

Os equipamentos individuais descritos neste Regulamento são entendidos como equipamentos mínimos, não dispensando o piloto de utilizar equipamentos de proteção e/ou recursos de segurança adicionais necessários e/ou compatíveis com as características de seu veículo.

 É de responsabilidade do piloto, ler, cumprir e fazer com que todas as pessoas que estão sob sua responsabilidade, cumpram todos os itens descritos neste Regulamento.

 

Reunião com direção de Prova - (BRIEFING)

 É obrigatória a presença no Briefing, de todos os pilotos inscritos na prova, convocados pela direção de prova, através do sistema de som ou conforme horários pré- determinados no cronograma descrito no regulamento particular de prova. A ausência injustificada do piloto ao Briefing  acarretará em punição de acordo coma decisão dos Comissários Desportivos.

 Igualmente será obrigatória a presença dos pilotos inscritos em qualquer Briefing “ de chamada extraordinária”,  cuja convocação obedecerá as regras previstas no artigo acima,  e acontecerão sempre que houver a necessidade de uma reunião emergencial entre os concorrentes e as autoridades da prova.

 

Conduta Desportiva

 Durante sua permanência na área do evento os pilotos e integrantes de sua equipe deverão observar conduta desportiva própria entre si e em relação aos demais participantes, de acordo com o que estabelece o Regulamento  Desportivo Geral.

Durante a permanência  no autódromo e a(s) prova(s),os pilotos deverão conduzir seus veículos de acordo com as determinações do presente regulamento.

 

ÁREA DOS BOXES - ENTRADA / SAÍDA/PISTA

 Fica estabelecido o limite de velocidade máxima para a área dos boxes, conforme estabelecido no regulamento de cada autódromo.

 A utilização de marcha ré na área dos boxes é terminantemente proibida.

Proibido parar o carro na pista durante a prova.

Proibido treinar largada nos boxes e/ou  na pista.

Proibido mudar de lado na pista por mais de uma vez (zigue zague) ou fechar outro piloto tentando evitar a  ultrapassagem .

Proibido dividir freada no final das retas ou nas curvas.

 

Disposições Finais

Qualquer notificação ou informação de autoridades de trânsito sobre desrespeito às leis de trânsito por piloto ou veículo na prova, ou sobre testes de veículo realizados em via pública, implicará na desclassificação do piloto responsável.

 

Reclamações  

As reclamações deverão ser feitas na secretária de prova, seguindo o descrito no Regulamento desportivo Geral.

 

Infrações e Penalidades  

São consideradas infrações, os casos previstos nos Regulamentos Desportivo e Técnico e também as infrações previstas no  Regulamento Desportivo Geral.

 As penalidades serão imposta de acordo com o Regulamento Desportivo geral.

 

Casos Omissos

 Os casos omissos serão decididos pelos Comissários Desportivos.

 

 Desclassificações

Serão desclassificados os pilotos que não cumprirem as normas deste regulamento.

As alterações no Regulamento Desportivo, serão em forma de adendo e entrarão em vigor na data de sua publicação.

 

PARALISAÇÃO DA PROVA (BANDEIRA VERMELHA)

 Bandeira Vermelha – Quando apresentada imóvel ou agitada:

a- indica que a prova, foi interrompida.

b- será apresentada em todos os Postos de Sinalização por determinação do Diretor de Provas;

 c- Indicará que a atividade está interrompida devendo todos os pilotos pararem de competir, diminuir a velocidade e se dirigir ao local a ser determinado pela Direção de Provas ou Comissários Desportivos;

 d- enquanto a Bandeira Vermelha estiver sendo apresentada, serão proibidas as ultrapassagens, infração a ser penalizada conforme Tabela de Penalizações deste regulamento.

e- por medida de segurança, ao ser apresentada a Bandeira Vermelha, todos os competidores deverão parar de competir e, em velocidade reduzida, em fila indiana trafegar pelo lado direito da pista, dirigindo-se aos boxes.

f- Em caso de quebra de motor, câmbio ou diferencial, em que poderá ocorrer o vazamento de óleo na pista, durante a prova, o piloto deverá retirar o seu veículo da pista, imediatamente, conduzindo-o para a grama ou área de escape. O não cumprimento desta determinação poderá acarretar ao piloto penalizações e multa, a critério dos Comissários Desportivos.

 

BANDEIRA AMARELA

Sempre que a bandeira amarela for apresentada, parada ou agitada,  é porque tem algum problema na pista.

É proibido a ultrapassagem  em todos os posto que estiverem sendo apresentada, somente será permitida a ultrapassagem após  o posto que apresentar a bandeira verde.

 

DISPOSIÇÕES GERAIS

Todas as questões não previstas neste Regulamento ou divergentes de interpretação, serão resolvidas pelo Conselho da LDA.

 O desrespeito a qualquer dispositivo contido neste Regulamento, sujeitará o infrator às penalizações  constantes da TABELA DE PENALIZAÇÕES;

É de responsabilidade do concorrente, fazer com que todas as pessoas portadoras de credenciais, a ele destinadas pela sua inscrição, respeitem as Leis e Regulamentos;

É proibida a ingestão e / ou circulação de qualquer bebida alcoólica, tóxicos e drogas de qualquer espécie na área dos Boxes (área sob domínio Técnico / Desportivo). Caso isto venha a ocorrer, referida mercadoria poderá ser apreendida pela Segurança do evento, ficando o infrator sujeito a penalização constante do Tabela  Penalizações, bem como a outras sanções legais em vigor;

Se constatada a presença de bebida alcoólica no Box, o piloto responsável ficará sujeito a exame antidoping pelo serviço médico responsável pelo evento.

Será válida, como classificação oficial, única e exclusivamente aquela registrada e declarada pela Cronometragem, independentemente da apresentação da Bandeira Quadriculada Branca e Preta (final da prova), quando houver.

 

ATITUDES ANTIDESPORTIVAS

 Quando um ou mais pilotos / competidores em  Baterias / Provas, por conduta antidesportiva, excluir (em) um ou mais pilotos, os competidores será (ão) penalizados com sua (s) desclassificação (ões) e/ ou exclusão (ões). Demais atitudes antidesportivas, serão aplicadas a critérios dos Comissários Desportivos.

 

LIMITES DA PISTA

 Durante a realização das Baterias / Provas: a utilização ou desobediência dos limites da Pista, espaço este compreendido entre as 2 (duas) linhas brancas, até o limite das zebras / lavadeiras / limitadores de traçado, implicará em Penalização a ser aplicada a critério dos Comissários Desportivos,

 

PARAR / ANDAR LENTO COM O VEÍCULO DURANTE A ATIVIDADE DE PISTA (ESPERAR OUTRO)

Perda de 15 minutos na prova.

 

FALTAR NO BRIEFING

Perda de 15 minutos na prova.

 

INGERIR BEBIDA ALCOOLICA DURANTE O EVENTO NAS ÁREAS TÉCNICAS E DESPORTIVAS Desclassificação / Exclusão.

 

EXCESSO DE VELOCIDADE NOS BOXES 

Perda e 15 minutos da prova e  a critério dos Comissários Desportivos.

 

IMPEDIR VISTORIA NO SEU VEÍCULO

Fica impedido de participar da prova.

 

PILOTAR SEM ESTAR DEVIDAMENTE INSCRITO

Durante a Prova: desclassificação ou exclusão.

 

 

TÉCNICO

DEFINIÇÃO

Participam desta categoria veículos nacionais e importados, de turismo de grande produção em série, coupê, sedan ou pick-up, de 2, 3, 4 ou 5 portas, de tração dianteira,traseira e 4x4 equipados com motores  aspirados e/ou turbinados.

Permitido o uso de veículos de no mínimo 02 (dois) lugares.

O veículo tem que estar em perfeito estado de conservação  em seu aspecto geral.

 

MOTOR:  Livre, sendo  permitido a troca.

ESCAPAMENTO:  Livre              

 SUSPENSÃO:  Livre               

TRANSMISSÃO: Livre

 

 RODAS E PNEUS:

 As rodas são livres,

Os pneus devem estar em bom estado de conservação e ter no mínimo 2 mm de sulco na superfície de contato com o solo.

É proibido o uso de pneus refrisados, recapados, remoldados ou similares.

 O uso de pneus “slick”, só será permitido aos pilotos que possuírem a carteira de Piloto LDA, (2ª fase), conforme o Regulamento  no item Critério de participação letra L .

 

 SISTEMA DE FREIO:

Obrigatório que os freios dianteiros e traseiros estejam funcionando.

 

Parte elétrica;

Obrigatório estar funcionando as lanternas, luzes de freio  e limpador de para brisa no mínimo.

 

Gancho de reboque;

Obrigatório ter um gancho de reboque na parte dianteira do veículo.

 

CIRCUITO DE COMBUSTÍVEL:

 A tubulação de combustível não pode passar por dentro do habitáculo.

 Bomba e filtros de combustível devem estar devidamente protegidos e não podem estar localizados no interior do habitáculo.

 

ESTE REGULAMENTO FOI  ELABORADO E APROVADO PELO CONSELHO DA LIGA DESPORTIVA DE AUTOMOBILISMO  LDA .

 

PRESIDENTE DA LDA – ERNESTO ALBERTO DE COSTA E SILVA

 

CONSELHEIRO – CARLOS RIBEIRO

 

CONSELHEIRO – ALEXANDRE VACCARI

 

 

SÃO PAULO, ­­­­­­­20   DE JANEIRO DE 2018